biografia_imagem/munic_rj01.jpg biografia_imagem/munic_rj02.jpg
1997 - 1999

Walter Avancini, agora na Manchete o chama para compor a trilha sonora da novela Mandacaru, sob sua direção. Faz a composição, arranjos e solos. O trabalho árduo de um ano consecutivo durante a exibição da novela, mas que fica arquivado, a espera de registro em disco.

1998
Dá início aos arranjos e gravação do novo disco com produção própria, independente, "Quando Menos se Espera" com seis composições novas e quatro releituras de músicas antigas. Mescla, em seu estúdio, a gravação digital com músicos. (Zelão,O nosso olhar, Calabouço e Beto bom de bola). Faz, sozinho, o clip em animação de Zelão, para ser acoplado ao CD.

1999
Outra apresentação de Estória de João-Joana, dirigida e produzida por Adonis Karan se dá em setembro de 99, ano em que SR comemora 50 anos de carreira. Idéia e apresentação de Ricardo Cravo Alvim. Com a presença da mídia e de convidados ilustres - tanto no palco quanto na platéia do Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Acompanhado pelos músicos Bororó (baixo), Jurim Moreira (bateria), Lui Coimbra (violão e charango) e Zé Marcos (piano), com a Orquestra Sinfônica do Teatro regida pelo maestro Sílvio Barbato. O canto do cordel é dividido entre os artistas amigos que vêem homenageá-lo: Chico Buarque de Holanda, Elba Ramalho, Alceu Valença, Zélia Duncan, Telma Tavares e sua filha Marina Lutfi.